Afinal de contas, o que faz um cientista de dados?

Cada vez mais profissionais relacionadas à Tecnologia da Informação estão surgindo e uma delas é o cientista de dados.

Todavia, por ser uma função profissional muito recente, poucas pessoas compreendem completamente o que esse indivíduo faz: trata-se de uma pessoa que consegue analisar diversas formas de dados e também solucionar muitos problemas tecnológicos que os técnicos de TI não podem por causa da sua maior complexidade.

Deep Learning

O cientista de dados é um funcionário fundamental quando se trabalha com dados sigilosos, por exemplo, mas tem sido bastante comum acha-lo em todos os tipos de empresas.

Quais são as tarefas de um cientista de dados?

Esse é o funcionário que vai lidar com estatísticas de tecnologia, sendo indispensável que ele conheça testes desse ramo, bem como orientação de dados, já que é são esses conhecimentos que serão usados quando o cientista de dados tiver de resolver problemas corporativos.

Quando analisa as informações virtuais, ele também precisa conseguir encontrar padrões, estando sempre atualizado no que diz respeito às chamadas normas analíticas; afinal, elas são a ferramenta quando eles vão procurar pelos padrões. Algumas dessas normas analíticas são text Analytics e também deep learning.

Entenda: Mercado de Consórcio Contemplado: Como Funciona?

As linguagens de programação são outros conhecimentos quer o cientista de dados precisa ter e cada empresa poderá solicitar a esse cientista um tipo de linguagem. Algumas das que são mais requisitadas a esse profissional são a R e também a conhecida como SAS.

Há alguns dados que são chamados de unruly e é indispensável que esses novos profissionais tenham condições de coletá-los a fim de que eles ganhem praticidade.

Essa profissão é como um complemento para a Tecnologia da Informação e, com isso, os cientistas de dados precisam se relacionar a esse departamento: é com essa conexão que eles poderão pensar em soluções de problemas e em melhorias tecnológicas.

Para profissões desse tipo, é recomendável seguir alguma técnica de produtividade no ambiente de trabalho, pois é de suma importância.

Características da carreira de cientista de dados

As pessoas que quiserem ser cientistas de dados não acharão um curso superior destinado especialmente a isso. Entretanto, uma série de graduações podem ser escolhidas, como Tecnologia da Informação, Ciência da Computação, Matemática, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Estatísticas e mais.

Mesmo não havendo uma faculdade de Ciência de Dados, é possível encontrar alguns cursos menores, sendo de especialização, por exemplo. Os vencimentos podem passar os R$ 16.000,00, mas um cientista de dados iniciante costuma ganhar R$ 5.700,00.

O que os cientistas de dados precisam dominar?

Para trabalhar no ramo de dados, é importante entender de certas ferramentas tecnológicas, como o deep learning e também a visualização de dados, além da preparação de dados, que é quando o profissional coloca em outro formato os dados que eram brutos.

Mais atividades que os cientistas de dados precisam entender são o machine learning, na qual se utilizam os algoritmos matemáticos, além do text Analytics e do já citado reconhecimento de padrões.

Recomenda-se que essas pessoas também compreendam ao máximo os bancos de dados, dando-se destaque para o Postgres, além de alguns softwares, como o MapReduce.

Deixe um comentário